×
1 de setembro de 2016

UX vai além da oferta de aplicações amigáveis, afirma executivo da CA Techonologies

Empresa anuncia plataforma que ajuda na entrega de apps, garantindo a melhor experiência

UX vai além da oferta de aplicações amigáveis, afirma executivo da CA Techonologies

Pelo menos 80% dos usuários que baixam aplicativos os abandonam quando não há resposta para um comando em três segundos. “O nível de expectativa do usuário hoje é extremamente alto”, comenta João Fábio Valentin, vice-presidente para Unidade de Negócio de Enterprise Management na América Latina da CA Technologies.

Nesse cenário, a experiência do usuário (UX, na sigla em inglês) cada vez mais ganha importância quando o assunto é a transformação digital vivida por empresas atualmente. “Na nossa visão, o que realmente empurra a disrupção são os usuários que consomem apps”, afirmou, complementando que a demanda atual não tem precedentes.

Para manter o interesse do público-alvo, é preciso investir em métodos que atinjam diretamente o usuário. Nesse sentido, a companhia apresentou nesta quinta-feira (28/7) o chamado CA Apps Experience Analytics, plataforma de análise para aplicações web e mobile, que tem como foco ajudar equipes de desenvolvimento a assegurar uma melhor experiência. O lançamento oficial está previsto para setembro.

Chris Kline, vice-presidente global de Application Performance Management (APM), argumenta que esse trabalho é importante especialmente se levado em consideração que a transformação digital vai além do que apenas desenvolver um aplicativo. “A transformação digital é sobre pegar sistemas que temos hoje e disponibilizá-los de forma amigável em múltiplos canais”, comenta. Para ele, é preciso focar não apenas nas experiências digitais, mas também na jornada que envolve essa experiência.

O X da questão
Na economia dos aplicativos, quem tem agilidade e assertividade é rei. Para garantir esses itens, a CA tem trabalhado fortemente para unir três elementos considerados essenciais à UX: Agile, ou práticas de desenvolvimento ágil que entregam aplicações de forma rápida; DevOps, que integra o trabalho de equipes de operações, TI e monitoramento com o de equipes de desenvolvimento, também com intuito de trazer agilidade; eAPIs, que são as conexões necessárias para as apps acontecerem.

Com a Apps Experience Analytics, áreas de negócios, operações e desenvolvimento são endereçadas. Para a primeiro, a ideia é fornecer informações que mostrem quem é o usuário e qual tipo de aplicativo está usando. ”Gosto de usar os dois ‘Rs’, que é retenção de usuários versus rejeição”, comenta André Piotto, diretor de pré-vendas de DevOps da CA. Ou seja, se deu algum problema em alguma atualização, há a possibilidade de conferir o que saiu errado para não perder usuários, explica.

Na área de operações, a ideia é conferir dados de desempenho e, em desenvolvimento, fornecer meios para encontrar linhas de códigos que causaram conflitos – e possíveis perdas de usuários.

Basicamente, a análise feita pela plataforma possibilita coletar dados e transformá-los em informações que, de fato, possam ser usadas. “Sair do descritivo para o prescritivo”, comenta Kline. Ou seja, entender melhor o contexto, a jornada do usuário, e trazer informações que possam dar um norte – como um médico que prescreve uma receita para o paciente, exemplifica.

O monitoramento traz uma visão sobre interesses dos usuários no aplicativo, se a experiência está no nível de qualidade desejado, se tudo está funcionando conforme o esperado e, caso contrário, o que pode ser feito para alcançar o patamar desejado.

O serviço está disponível, em um primeiro momento, para iOS. O CA Apps Experience Analytics pode ser testado de forma gratuita no site da solução.

Fonte: ITFORUM 365

Mais notícias

Conheça as melhores soluções de Gestão e TI

Agende uma visita com um de nossos Executivos de Negócios.

(61) 2104.3200

Fale conosco
CPD Informática 2015 © Todos os direitos reservados.